skip to Main Content
aranorteip@aranorte.gov.mz +258 86 267 3180 Webmail

A Divisão de Gestão da Bacia Hidrográfica do Licungo e Bacias Costeiras – UGBLIC, com sede em Mocuba, província de Zambézia, a cerca de 400 KM da cidade de Nampula, é responsável pela gestão operacional dos recursos hídricos de 3 principais bacias hidrográficas abaixo descriminados:

BACIA HIDROGRÁFICA DO LICUNGO

A bacia do rio Licungo tem uma área de cerca de 22.800 km2, fazendo fronteira sul com as bacias do rio Zambeze e do rio Namacurra e a Norte e Este com as bacias dos rios Raraga e Melela. A forma desta bacia é aberta na cabeceira e com a saída estreita, a partir da confluência com o rio Lugela. Fica localizada entre os paralelos 15 e 18º S. 

O rio Licungo tem a sua nascente nos montes Namúli, perto de Guruè, a 2000 m de altitude, e tem a sua foz no Oceano Índico a 50 km a Norte da Cidade de Quelimane. Este rio é também alimentado por dois afluentes principais, o rio Lugela e o rio Luo, ambos na margem direita, para além de outros pequenos afluentes. 

Esta bacia tem um factor de forma de 0.34, que indica que a bacia tem pouca propensão a cheias. As cheias que ocorrem afectam apenas a parte final da bacia a jusante de Malei.

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO MELELA

A bacia hidrográfica do Rio Melela tem uma área de 8,200 km2. Esta bacia tem uma forma alongada, com um factor de forma de 0.17, indicando que a bacia tem muito pouca propensão a cheias. Este rio tem um afluente principal, o rio Lisse, na margem esquerda.

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO MOLOCUÉ

A bacia do rio Molocuè ocupa uma área de 6,500 km2, fazendo limite com as bacias dos rios Raraga e Melela. O seu factor de forma é de 0.13, indicando que a bacia tem muito pouca propensão a cheias. 

Este rio nasce a cerca de 1200 m de altitude, numa zona alta próxima do Posto Administrativo de Nauela. Daí segue quase em linha recta numa extensão de cerca de 285 km até à foz, localizada a cerca de 30 km a sul do Posto Administrativo de Naberi.

BACIA HIDROGRÁFICA DO LIGONHA

A bacia do rio Ligonha cobre uma área de 16,300 km2, limitada a Norte pela bacia do rio Lúrio, a noroeste a bacia do rio Meluli e a sueste com a bacia do rio Molocué. A forma desta bacia aproxima-se a de uma elipse alongada, com uma largura de cerca de 100 km, e um factor de forma de 0.19, indicando que a bacia tem muito pouca propensão a cheias. 

Nesta bacia há registos de ocorrência de importantes cheias no seu troço terminal, embora os principais prejuízos causado pelas cheias, sejam o corte de vias de circulação. No entanto, estes prejuízos poderão aumentar com a intensificação da ocupação e do uso do solo na planície de inundação desta bacia. 

O rio tem a sua nascente no Monte Culucui, a cerca de 1200 m de altitude. Este rio segue fazendo um arco com concavidade virada para Sudeste numa extensão de cerca de 320 km até à sua foz, cerca de 20 km a Sul do Posto Administrativo de Moma. Este

Estudo para a Criação da  ARA-Norte, IP rio tem como seus principais afluentes: na margem direita o rio Namarroi, e na margem esquerda os rios Neuire e Lalaua. 

A topografia da bacia é caracterizada pela existência, a norte, de montes com altitudes entre 1200 e 1700 m e planaltos com 700 a 1000 m. Na zona central os montes têm entre 1100 e 1400 m de altitude. A partir daqui o declive da bacia decresce abruptamente a caminho da foz. Há dois grupos de elevações distintos, um na parte norte, onde se inicia o rio, compreendendo o monte Chinga (1411 m), Serra Namuhuca (1288 m) e serra Iriau (1098 m). 

O declive do rio reduz de cerca de 80 m/km, na parte alta, para cerca de 4.4 m/km, na sua parte terminal, próximo da foz. 

A precipitação média anual na área da bacia é estimada em 1300 mm/ano.

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO MELULI 

A bacia do rio Meluli tem uma área de cerca de 9,700 km2, tendo como limites as bacias dos rios Mecubúri, Motomode e Monapo a Norte e Ligonha e Larde a Sul. O rio tem a sua nascente numa zona montanhosa, a cerca de 1100 m de altitude, a 10 km do Posto Administrativo de Namina. O rio tem um comprimento total de 250 km e os seus principais afluentes são o Namaita, Naha, Mecucu, e Murrioze na margem direita; os afluentes da margem esquerda são muito pequenos. 

Como a maior parte das bacias desta zona, a bacia do rio Meluli tem uma forma alongada, com um afunilamento expressivo na zona terminal. O seu factor de forma é 0.25, indicando que a bacia tem pouca propensão a cheias. A bacia tem registado cheias de magnitude considerável no seu troço terminal. 

A parte alta da bacia está a altitudes entre as cotas 400 e 600 m, com algumas formações montanhosas cujos cumes chegam a atingir altitudes de 800 m. A sua planície litoral está abaixo dos 200 m de altitude.

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO MONAPO

A bacia do rio Monapo ocupa uma área de cerca de 8,000 km2, fazendo fronteira com as bacias dos rios Mecubúri a Norte, a Sul Meluli e Mogincual e Motomoto. Esta bacia tem a forma de um losango com um factor de forma de 0.20, indicando que a bacia tem muito pouca propensão a cheias. O rio nasce a uma altitude de cerca de 500 m seguindo uma trajectória sinuosa ao longo de cerca de 245 km até à foz localizada a cerca de 10 km do Posto administrativo de Lunga. 

Os principais afluentes são na sua margem esquerda os rios Messica e Muecate e na sua margem direita o rio Ampoense. 

A sua topografia é definida por duas zonas distintas, uma planáltica com altitudes que variam de 600 a 300 m e a planície litoral abaixo da cota 300 m. No interior da bacia existem algumas elevações que chegam a atingir os 1080 m.  

A precipitação anual média da bacia é de 1150 mm/ano. As precipitações mais intensas ocorrem na zona de Nova Chaves. Foram registadas algumas pontas de cheia, principalmente na zona terminal da bacia, provavelmente pelo facto de nesta zona o rio ter um leito estreito. 

Esta bacia abarca sedes de 6 Postos Administrativos, sendo os mais importantes os de Namialo, Meconta, Rapale e Monapo.

BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO MECUBÚRI

A bacia do Mecubúri ocupa uma área de cerca de 8,900 km2. Tem como limites as bacias do Lúrio a Norte e as bacias de Monapo e Meluli a Sul. Esta bacia tem a forma de um losango, e um factor de forma de 0.14, indicando que a bacia tem muito pouca propensão a cheias. 

Ele nasce a uma altitude de cerca de 1100 m, próximo do Posto Administrativo de Namina. O comprimento do rio é de cerca de 270 km. A bacia não apresenta uma morfologia de realce, tendo uma inclinação constante. 

Esta bacia abrange 7 sedes de Postos Administrativos, onde os mais importantes são os de Namina, Nacaroa, Memba e Mecuburi.