skip to Main Content
aranorteip@aranorte.gov.mz +258 86 267 3180 Webmail

VICE-MINISTRA DAS OBRAS PÚBLICA, HABITAÇÃO E RECURSOS HÍDRICOS VISITA AS INSTALAÇÕES DA ARA-NORTE, IP-SEDE

A Vice-Ministra das Obras Pública, Habitação e Recursos Hídricos, (OPHRH), Cecília Chamutota, efectuo, sábado, 16/10/2021, uma visita nas novas Instalações, Sede da Administração Regional de Águas do Norte, Instituto Público em Nampula. Com objectivo de se inteirar do funcionamento das actividades exercidas por esta Instituição, tutelada por seu Ministério e orientar uma reunião com o Conselho de Direcção sobre a preparação das actividades da época chuvosa 2021-2022.

No quadro desta visita, Sua Excelência, Vice Dirigente, do pelouro das OPHRH, se fez acompanhar pelos quadros do governo com destaque o Director Provincial de Infraestrutura de Nampula, Gil Carvalho. E foi nesta sequência da visita de Vice-Ministra em que o Director Geral da ARA-Norte, IP, Carlitos Omar, com grande satisfação, orgulho e especial atenção, recebeu junto dos seus Membros do Conselho de Direcção convocados, a Vice-Ministra, Chamutota nas suas instalações que pela primeira vez, se fez presente.

Na ARA-Norte, IP-Sede, Chamutota, passou por Gabinetes, Departamentos e Repartições, conhecendo aos detalhes os compartimentos desta infraestrutura, com Sede em Nampula.

A seguir, a Vice-Ministra, Chamutota, dirigiu uma reunião com o Coselho de Direcção da ARA-Norte, IP onde encorajou aos quadros presentes para a necessidade de se realizar melhor os trabalhos do domínio técnico deste jovem IP, face a gestão da época chuvosa.

Dai que, para contextualizar as actividades da época chuvosa Chamutota, começou por descrever os cenários de épocas passadas orientando como algo que possa ser evitado nas próximas épocas chuvosas, devido aos impactos negativos das chuvas que anteriormente provocaram danos avultados com destaque destruições de vidas humanas, infraestruturas socias e económicas.

Moçambique depois de passar muitas situações difíceis derivadas de chuvas, não se justifica que continuemos a ser pegos de surpresa com estas situações. Devíamos estar atentos com a preparação de épocas chuvosas passadas. E devíamos também, estar melhor preparados em termos de previsão das ocorrências e reduzir no máximo os impactos negativos nas ocorrências das intempéries recordou a Vice-Ministra, Cecília Chamutota.

Segundo a Vice-Ministra das OPHRH na sua comunicação, também deu a entender que numa situação susceptível a ocorrência de intempéries sabe-se que não se pode mudar ao facto de que as chuvas, mudanças climáticas ou ciclones vão acontecer. Mas, para fazer face a época chuvosa à porta, a Vice-Ministra Chamutota, lançou desafios, incentivando os quadros da ARA-Norte, IP, para mudanças do grau de preparação em termos de prontidão.

Numa situação susceptível a intempéries, nós não podemos mudar o facto de que as cheias, vão acontecer, também não podemos mudar a questão das mudanças climáticas ou ciclones. O que podemos mudar é o nosso grau de preparação, e quem pode mudar, são vocês colegas da ARA-Norte, IP que estão aqui presente” exortou a Vice-Ministra das OPHRH.

No encontro, a Vice-Dirigente, instou aos Membros de Conselho de Direcção da ARA-Norte, IP presentes que irá solicitar o plano de operação das barragens. Vincou que o processo de adequação da nova estrutura orgânica das ARAs não possa interferir a organização e o avanço das actividades da época chuvosa. Orientou ainda, a necessidade de haver união nas equipes de Piquete para trazer informações em tempo real para facilitar as instituições que a ARA-Norte, IP serve de ponte designadamente, INGC, INAM, Comunidades Locais, e Governos Províncias abrangidos na sua área de jurisdição, possam agir a tempo. Destacou a ARA-Norte, IP que desempenhava um papel importante e de responsabilidade para mitigar no máximo as intempéries provocadas pelas águas das chuvas. Outrossim, exortou para a época que se segui para haver um trabalho com zelo e profissionalismo.

A ARA-Norte, IP, é quem deve dizer o que pode causar sobre a quantidade das águas das chuvas numa área. Deve dizer o que pode causar por uma chuva de 11mm numa Bacia como Lúrio por exemplo. A ARA-Norte, IP, é uma instituição que desempenha um papel importante, é responsável na gestão e mitigação dos efeitos negativos na ocorrência de intempéries oriundas das chuvas. A equipe de Piquete, deve estar muito unida para trazer informações a tempo que é para alertar a INGC para agir também, a tempo no caso de ocorrência das intempéries. Devem fazer a verificação tempestiva das situações em termos de variações. Também, devem comunicar as Comunidades Locais e os Governos Províncias onde a ARA-Norte, IP se representa. Trabalhem com zelo e profissionalismo, prestem muita atenção com o mínimo de detalhes em termos de gestão da época chuvosa, e muito obrigada”. Orientou a Vice-Ministra das Oras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos, Cecília Chamutota.

Antes de deixar as Instalações da ARA-Norte, IP não escondeu a sua satisfação e ficou a promessa da Vice-Ministra de mais um dia voltar com tempo para poder interagir melhor com os funcionários deste IP. Contudo, apenas para não os acumular de muitas saudades, a família ARA-Norte, IP ficaram os momentos indiscritíveis ao beneficiar os membros do Conselho de Direcção e a sua comitiva com uma Sessão de fotografia familiar que para sempre marcará à todos com a visita de Sua Excelência, Vice-Ministra, das OPHRH, Cecília Chamutota, que todos agradeceram e prometem fazer cumprir as suas orientações na época chuvosa 2021-2022 e em diante.

This Post Has 0 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.